skip to content

Rádio UFOP ultrapassa 500 programetes com 17 produções

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
NPG
Com: 
Gláucio Santos
Com variações nos formatos e temáticas, a Rádio UFOP ultrapassou neste ano a marca de 500 programetes. Considerando os 19 anos da emissora, os primeiros a serem produzidos foram o “Minuto Astronômico” e o “Memória da Ciência e Técnica”, apresentados pelo professor Gilson Nunes. 
 
Ambos foram inseridos na programação em 2001 e são produzidos até hoje. Os dois também possuem a maior quantidade de episódios. O primeiro tem 116 produções e o segundo, 115. O terceiro com maior produção é o programete “Sintonia Ambiental”, proposto em 2010 pelo professor José Francisco do Prado Filho, que reúne 63 episódios. Em seguida está o "Infonutri", com 62 unidades, iniciado em 2004 pelo professor Camilo Adalton Mariano da Silva. Outras informações sobre estes projetos podem ser conferidas na tabela abaixo. 
 
Para ampliar a participação de integrantes da comunidade acadêmica na criação de conteúdo educativo para a Rádio UFOP, em 2017 a emissora lançou um edital com o objetivo de padronizar a linguagem usada, no sentido de adequar a divulgação científica e promover um maior diálogo com os ouvintes. Outra ação foi padronizar o conteúdo radiofônico em até 3 minutos de duração e a produção a uma lógica de duas temporadas por ano, com 10 episódios em cada uma delas. A partir do edital, os produtores (professores, estudantes e técnicos-administrativos) passaram a receber orientações técnicas em workshops na sede da emissora, oferecidos pela equipe da FEOP (Fundação Educativa de Rádio e TV Ouro Preto), e acompanhamento de produção por meio da plataforma Googledrive. 
 
O edital contemplou também propostas de programas ao vivo, com duração de 60 minutos. Além das produções de representantes da comunidade acadêmica da UFOP, nesta lista entram ainda as produções de funcionários da FEOP: “Sétima Arte e suas Projeções”, de Danilo Nonato, e “Memória, Minha Experiência com o Rádio”, produzido por Gláucio Santos. Os trabalhos de captação de áudio, edição e sonoplastia foram feitos, em grande parte, nos últimos 10 anos, por Simei Gonderim (da FEOP) e Danilo Nonato, com a colaboração de estudantes bolsistas da UFOP.
 

Veja também

16 Novembro 2017

du_do_veloso.jpg Divulgação Du do Veloso participa do primeiro episódio A TV UFOP, em parceria com a Casa de Cultura Negra...

Leia mais

7 Novembro 2017

A nova temporada do Vida de Estudante chega ao terceiro episódio, que fala sobre mães na universidade. O episódio traz...

Leia mais

6 Novembro 2017

Ao longo de sua história, a Rádio UFOP vem desenvolvendo o incentivo à pluralidade de opiniões, correntes de pensamento e...

Leia mais

31 Outubro 2017

Memória, força, machismo, resistência. Esses são alguns dos temas evocados pelo documentário AtingidAs, no qual Maria Aparecida Lanna, Maria do...

Leia mais