skip to content

Com reforma da Apae, UDM aproxima universitários da comunidade ouro-pretana

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
Letícia Santo
Com: 
Catharina Weichert
O projeto Universidade Desce o Morro (UDM), idealizado por estudantes integrantes das Repúblicas Federais de Ouro Preto (Refop) e da Associação das Repúblicas Reunidas de Ouro Preto (Arrop), concluiu a proposta de revitalização estrutural da Apae. A inauguração da obra foi na sexta (6).
 
Essa foi a sétima edição do projeto, que começou no início de 2019 e teve como proposta a reforma do prédio da Apae, localizado no bairro Bauxita. A estudante de Serviço Social Izabela Torres, uma das organizadoras, explica que este foi o projeto mais complexo e longo desenvolvido pela UDM. "Essa foi a ação para a qual arrecadamos mais doações. Conseguimos fazer grandes reformas na parte elétrica, nos telhados e arrumamos a fachada".
 
A diretora pedagógica da Apae, Mara Regina, reitera a importância da ação para a associação. "A integração desses estudantes da UFOP com os alunos da Apae é de extrema importância, as crianças se sentem mais acolhidas. Essa reestruturação veio em boa hora, o sistema elétrico que usamos é de 1982, quando o prédio foi construído, e estava precário".
 

udm_apae_1.jpeg

Letícia Santo
O evento teve a participação da Escola de Farmácia
 
O projeto de extensão Fios de Solidariedade participou do evento, com corte e arrecadação de cabelos. Em uma ação conjunta com o UDM, o projeto também doou brinquedos para os alunos da Apae. A confraternização contou ainda com a colaboração de estudantes do curso de Farmácia, que realizaram exames de tipagem sanguínea, e com a participação da Sociedade Excursionista Espeleológica, que promoveu pinturas e exposições.
 
Para o estudante Vitor Freitas, aluno de Engenharia de Produção, atuar em um projeto como esse é gratificante. "As crianças esperam isso da gente. Morando em Ouro Preto e desfrutando do que a cidade nos proporciona, procuramos estar sempre contribuindo e mantendo nossa responsabilidade social", afirma.
 
UNIVERSIDADE DESCE O MORRO - O projeto foi criado em 2014, visando aproximar a comunidade universitária da população ouro-pretana através de ações sociais, geralmente em locais carentes, a fim de retribuir à cidade a acolhida que os estudantes recebem durante os anos de graduação.

Veja também

1 Julho 2020

A 5ª edição do Fórum Permanente de Sustentabilidade das Cidades Históricas de Minas Gerais, realizado em parceria com a Prefeitura...

Leia mais

26 Junho 2020

A sigla abrevia múltiplas expressões de sexualidades e de identidades de gênero e se destina a promover politicamente a representação...

Leia mais

23 Junho 2020

A campanha "Ajude hoje quem te amparou ontem", liderada pela Fundação Gorceix, conta com o apoio da Escola de Minas,...

Leia mais

19 Junho 2020

As repúblicas Nau Sem Rumo, Aquarius, Pulgatório e Ninho de Amor realizaram o projeto Paraná Solidária. O nome faz alusão...

Leia mais