Ir para o conteúdo

Livro sobre sustentabilidade é lançado a partir de projeto de extensão

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
Divulgação
O livro "Soluções Sustentáveis em Biotecnologia: explorando potencialidades educativas", lançado em 14 de novembro, traz temas trabalhados em 2022 no projeto "Ensina Biotec: curso para atualização docente", coordenado pela professora Cláudia Martins Carneiro, da Escola de Farmácia da UFOP.
 
Anualmente, o projeto promove um curso para professores sobre temáticas relacionadas à biotecnologia. Após o curso, são desenvolvidos materiais didáticos, que são disponibilizados gratuitamente para a população.
 
Professora do Departamento de Biodiversidade, Evolução e Meio Ambiente (Debio) e uma das organizadoras do livro, Cyntia Ferreira conta que a ideia de desenvolver materiais didáticos surgiu no primeiro curso, em 2019. "Foi muito bacana a dinâmica que fizemos com os professores que participaram. Todos queriam saber mais sobre o material disponibilizado na época e queriam adquirir os textos e os jogos. Daí, decidimos publicar. Então esse não é o primeiro, mas o quarto material que a equipe do projeto publica".
 
Até o momento, já foram lançados dois livros sobre vacinas, três jogos e três cartilhas. Parte desses materiais está disponível para download no site do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec), ao qual o projeto está vinculado. O quinto curso foi realizado em novembro deste ano, com o tema "Alimentação saudável e biotecnologia", e em breve também serão publicados os materiais didáticos referentes a esse curso.
 
Cada capítulo do livro é escrito por um dos palestrantes do curso em conjunto com os integrantes da equipe — estudantes de graduação e pós-graduação. Para Cyntia, o lançamento do livro é motivo de satisfação, pela continuidade do projeto: "Não é um projeto que começou agora. Começou em 2019. E estamos bem felizes em alcançar esse retorno positivo e também em continuá-lo".
 
APRESENTAÇÃO DO LIVRO — Atualmente, a biotecnologia está relacionada a diversos aspectos socioeconômicos, especialmente no que diz respeito às contribuições da área para a geração de empregos e para o enfrentamento de alguns desafios relacionados ao crescimento populacional, tais como segurança alimentar, conservação dos recursos naturais e manejo de resíduos. É importante ressaltar que todas essas questões têm sido relevantes para alcançar o desenvolvimento sustentável de acordo com as orientações dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. Por isso, acredita-se que a educação ambiental, com destaque para as soluções sustentáveis que a biotecnologia proporciona em diversos setores, possa ser uma ferramenta importante para subsidiar uma formação social crítica e emancipadora. Ao propor abordagens educativas, tais como a prática teatral ou análises sobre empreendedorismo e inovação, este livro se apresenta como uma profícua ferramenta pedagógica para incluir a biotecnologia no contexto escolar.
 
O livro pode ser acessado neste link.
 

 

Veja também

16 Fevereiro 2024

O manual "Saúde mental nas escolas e fora delas", lançado pelo programa de extensão "De mãos dadas com Antônio Pereira",...

Leia mais

16 Fevereiro 2024

O projeto de produção de podcasts "Café com Plural", realizado pela Rádio Plural e por estudantes do curso de Jornalismo...

Leia mais

16 Fevereiro 2024

A Pró-Reitoria de Extensão e Cultura, por meio da Coordenadoria de Extensão, publica edital para solicitação de bolsas para as...

Leia mais

15 Fevereiro 2024

Por meio de uma parceria da UFOP com cinco escolas da cidade, cerca de 300 cartazes sobre a dengue foram...

Leia mais