skip to content

Proad orienta servidores com necessidades especiais sobre regras para concessão de aposentadoria

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
Em virtude da decisão judicial presente na nota pública sobre o Mandado de Injunção 6.653, servidores públicos com deficiência terão aposentadoria especial de acordo com a aplicação da Lei Complementar 142/2013, que garante a aposentadoria da pessoa com deficiência assegurada pelo Regime Geral de Previdência Social (RGPS). 
 
O Sindicato dos Trabalhadores Ativos, Aposentados e Pensionistas do Serviço Público Federal no Estado de Minas Gerais, o Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino e o Sindicato dos Técnicos-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino de Lavras alegam que o artigo 40, §4º, I, da Constituição de 1988 prevê a adoção de requisitos e critérios diferenciados para a aposentadoria de servidores públicos portadores de deficiência. Entretanto, há necessidade de adoção da Lei Complementar 142/2013 para a aposentadoria especial, em razão da falta de lei específica para os servidores federais. 
 
O interessado deve buscar orientações na Área de Pagamentos e Benefícios (APB), portando o Laudo Pericial emitido pela Área de Saúde Ocupacional, pelo telefone 3559-1185 ou pelo e-mail aposentadoria.proad@ufop.edu.br.
 
Clique aqui e confira o passo a passo.
 
 

Veja também

18 Janeiro 2016

O novo software Pergamum tem previsão para ser implantado a partir da próxima segunda (25/01). Segundo a coordenadora técnica do...

Leia mais

1 Fevereiro 2016

Já foram definidas as datas das reuniões do Conselhos Universitário (CUNI) e de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), que serão...

Leia mais

1 Fevereiro 2016

Em conjunto com as secretarias municipais de saúde de Ouro Preto e Mariana, a UFOP realizou na manhã de segunda...

Leia mais

12 Fevereiro 2016

A manhã desta sexta-feira (12) começou com visitas que proporcionaram uma troca de saberes entre a Universidade Federal dos Vales...

Leia mais