skip to content

Empresa criada na UFOP é finalista na etapa brasileira de competição mundial de startups

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
A BEAS Startup, criada na UFOP, é uma das 10 finalistas da etapa brasileira da Startup World Cup 2020. 
 
A BEAS (Bacterial for Environmental and Agricultural Solutions) é coordenada pelo Professor Leandro Moreira, do Instituto de Ciências Exatas e Biológicas da UFOP (Iceb), pela pós-doutoranda em Biotecnologia Angélica Sanchez e pela bióloga Izadora Vieira, ex-aluna da UFOP. 
 
A empresa busca novos controladores biológicos ou biorremediadores para problemas ambientais. "Possuímos duas mil bactérias coletadas do ambiente. Por exemplo, se uma empresa nos procura para achar o controle de alguma doença agrícola, pegamos essas bactérias e analisamos qual delas apresenta capacidade de inibir o crescimento ou matar o agente causador dessa doença", explica Leandro. 
 
A startup vencedora da etapa brasileira concorre ao investimento de um milhão de dólares no Vale do Silício em 2021. A competição entre as finalistas vai ser transmitida através do canal do YouTube do Agricultura SP, nos dias 16 e 17 de dezembro, às 17h. 
 
Para conhecer mais a BEAS, acesse o site.
 
STARTUP WORLD CUP - Realizada em mais de 50 países, a competição é promovida pela Pegasus Tech Venture, em parceria com a InvestSP e a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Esta edição é focada em Agtechs, Foodtechs e startups que oferecem soluções para problemas específicos do agronegócio.
 

Veja também

21 Janeiro 2021

Um artigo publicado em dezembro passado pela revista científica Austral Entomology revelou um novo gênero de formigas-cortadeiras encontradas restritamente na...

Leia mais

14 Janeiro 2021

O professor do Departamento de Serviço Social (Desso) Leonardo Nogueira lançou, em conjunto com o professor Rafael Toitio (IFRN) e...

Leia mais

13 Janeiro 2021

Os registros de Patente de Invenção concedidos pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) são referentes a dois trabalhos coorientados...

Leia mais

5 Janeiro 2021

Desde o início de abril de 2020, os professores Vicente Amorim, do Departamento de Computação e Sistemas (DECSI), e Anliy...

Leia mais