skip to content

Instalação de equipamento de ressonância magnética nuclear auxilia pesquisas na Escola de Farmácia

Twitter icon
Facebook icon
Google icon
Divulgação
Com: 
Júlia Lopes - estagiária
Um espectrômetro de ressonância magnética nuclear (RMN) de 400 MHz foi instalado no início deste ano no Laboratório Multiusuários de Caracterização de Moléculas (LMCM), localizado na Escola de Farmácia. O local foi reformado e adequado pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), que também forneceu treinamento a seus técnicos e pesquisadores. A aquisição do equipamento contou com R$ 1,5 milhão de financiamento da Finep.
 
Trata-se de um dos mais importantes instrumentos para obtenção de informação física, química, eletrônica e estrutural de moléculas. Ele garante um controle da qualidade de ingredientes farmacêuticos ativos (APIs) e excipientes, o que é importante na análise farmacêutica, pois visa prevenir danos aos pacientes. 
 
Para operar o espectrômetro, o Laboratório mantém um técnico de nível superior, com mestrado em Ciências Farmacêuticas e doutorado em Biotecnologia, e um técnico de nível médio, com mestrado e doutorado em Meio Ambiente. O uso do equipamento segue normas específicas elaboradas pelo LMCM.
 

espectometro2.jpg

Divulgação
Equipamentos instalados no Laboratório Multiusuário de Caracterização de Moléculas da UFOP
 
Mais de 300 amostras foram analisadas entre abril e novembro, e o número vem aumentando a cada mês. Além de 11 pesquisadores da UFOP e um da UFV, os principais usuários do RMN são os alunos de doutorado, mestrado e iniciação científica orientandos dos Programas de Pós-Graduação em Química e em Ciências Farmacêuticas. O Laboratório também recebe estudantes de graduação para aulas práticas de Química Farmacêutica, Farmacognosia I e II e Análise Orgânica. 
 
No primeiro semestre de 2018, a convite do Programa de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas da UFOP, o professor José Dias de Souza Filho, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ministrou o curso de Processamento de Dados de RMN para um total de 32 inscritos (estudantes dos Programas de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas, Química e Engenharia Ambiental, técnicos e docentes). No segundo semestre, o professor ministrou o curso de Ressonância Magnética Nuclear, do qual participaram seis alunos dos Programas de Pós-Graduação em Ciências Farmacêuticas e Química da UFOP. Em outubro de 2018, ofereceu treinamento a docentes da UFOP para operação do espectrômetro RMN. O treinamento terá continuidade em fevereiro de 2019.

Veja também

16 Novembro 2017

A tese de doutorado "Do Leishflow ao Leishplex: inovações tecnológicas da sorologia por citometria de fluxo aplicado ao diagnóstico da...

Leia mais

16 Novembro 2017

A equipe Rodetas, fundada no Laboratório de Tecnologias Industriais da Escola de Minas, obteve o título de vice-campeã na Competição...

Leia mais

4 Dezembro 2017

Os números são do resultado da Chamada de Demanda Universal, que é a mais abrangente lançada pela Fundação de Amparo...

Leia mais

13 Dezembro 2017

Estão disponíveis, no site da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação , os resultados preliminares dos seguintes programas de iniciação científica:...

Leia mais